Ladyboys: as transexuais da Tailândia

Postado em 28/07/2016

ladyboys

Os transexuais da Tailândia são chamados de ladyboys. Mais numerosos do que em outros lugares do mundo – afinal, na região tailandesa há muito tempo é permitido fazer a cirurgia de mudança de sexo – eles são mais aceitas na cultura moderna do que no Brasil, por exemplo, mas nem sempre foi assim.

Ladyboys x Travestis

Na Tailândia, não se usa o termo travesti, que na língua local se diz Katoey ou Kathoey. Diferente do nosso país, as ladyboys são pessoas que trocam de sexo completamente enquanto os travestis são homens que se vestem como mulheres.
Para identificar as ladyboys, é preciso reparar nos traços finos, tanto no olhar quanto no corpo. Estamos acostumados a identificar logo de cara um travesti no Brasil. Na Tailândia é um pouco diferente. Normalmente, a ladyboy é sempre a pessoa com os traços mais bonitos do ambiente e os travestis são os homens que se vestem de mulheres, que não são tão comuns na Tailândia.

Quanto custa ser um ladyboy

Os cirurgiões de Bangkok se tornaram mundialmente famosos por realizarem as mudanças de sexo e mudança de aparências da face, por exemplo, por preços acessíveis e porque as leis do país permitiram muito antes do resto do mundo.
A cirurgia, mesmo assim, não é tão barata quanto a gente imagina. Retirar as mamas, por exemplo, custa em torno de 1000 euros e para fazer uma mudança de sexo (trocar pênis por vagina), pode chegar a 3mil euros.

Não são apenas prostitutas

Quem acha que todos os transexuais e ladyboys da Tailândia são garotas de programa, se engana. Recentemente, a Thai PC Airlines, nova empresa aérea do país, abriu vaga pro mercado para a contratação de público transex. Após receberem mais de 100 currículos, quatro candidatas foram contratadas.

Assista ao comercial da companhia:

Veja imagens dos ‘Ladyboys’ tailandeses pelo fotógrafo Daniel Rodrigues:

http://fotografia.folha.uol.com.br/galerias/33482-ladyboys-transexuais-de-bancoc#foto-493580

Para esta matéria, foram usados referências do site da Folha.


One thought on “Ladyboys: as transexuais da Tailândia

  1. Oliver says:

    Indubitavelmente, as transexuais, os “Lady boys”, mesmo os travestis, estão conquistando o seu espaço por serem mulheres femininas, delicadas, suaves, enquanto as mulheres estão buscando serem feministas, senhoras da verdade, masculinas.
    Não defendendo uma ou a outra, mas, sinceramente, mulher tem que ser mulher, mesmo que de sexo masculino e isso é pelos modos, pelas vestes, pela delicadeza.
    Olhe uma transexual, uma lady boy, uma travesti e observe os detalhes e olhe a maioria das mulheres. São os detalhes que dão a diferença.
    Por mim, sendo bela, sejam a mulher seja o modificado, é o que vale. De feio no mundo já basta eu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *