Você é viciado em sexo? Saiba como identificar.

Postado em 26/08/2016
No filme Shame, o personagem principal interpretado por Michael Fassbender é um homem de 30 anos com dependência sexual que vive dias de angústia e depressão.

No filme Shame, o personagem principal interpretado por Michael Fassbender é um homem de 30 anos com dependência sexual que vive dias de angústia e depressão.

Existem pessoas que têm um vício incontrolável de fazer sexo a ponto de virar uma patologia, conhecida como compulsão sexual. É possível que você esteja se perguntando se você tem esse vício. Para você saber, basta que responda SIM aos sintomas a seguir: dificuldade em se concentrar em outra coisa que não seja sexo, como produtividade no trabalho, nas relações sociais e afetivas.

Por dentro da compulsão sexual

Essa vontade inquietante de fazer sexo é uma doença mental que até hoje não tem uma cura definitiva. O viciado vive momentos de ansiedade, angústia e vergonha relacionados com a sua vida sexual. E mesmo depois de realizada a fantasia, o indivíduo reinicia todo o processo de impulsos sexuais.

Quem sofre dessa patologia costuma acessar a sites de sexo com muita frequência, assim como aplicativos de celular, pornografia, masturbação com mais frequência do que o normal e até tele-sexo. Além disso, essa pessoa dificilmente consegue ter um parceiro fixo, porque as trocas afetivas são desconexas.

Se você conhece alguém com essas características, tente indicar ajuda. Primeiro, é preciso que a pessoa consiga assumir a doença para buscar ajuda com profissionais qualificados como psicólogos, terapeutas e o acompanhamento de um médico psiquiatra.

Existem grupos de apoio, que complementam o tratamento psicoterápico e psiquiátrico. Nesses ambientes, o dependente pode compartilhar o seu sofrimento com outras pessoas e receber o apoio adequado de quem passa pelo mesmo sentimento de inadequação social e solidão.

Fique de olho!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *